Por onde andas?

Por: Adeisa Emanuelle 1 comentários
Perspectiva Nova - por onde andas
from here

As músicas que um dia pareceram fazer todo sentido, de repente se tornaram um mero
apanhado de palavras, sons e tons insignificantes.
Simplesmente não me dizem nada.

Os poetas me enganaram. Pode parecer loucura,
mas juro que seus trocadilhos um dia pareceram ser sobre mim.
Hoje, não me transparecem nada.

As manchetes que me provocavam tanta insatisfação,
agora, pouco me chamam a atenção.
Se tornaram mais do mesmo.

Busquei em livros, sabores diferentes, outros sons, na natureza
e até em mim mesma.
Perdi o que nunca tivera certeza de ser meu algum dia.

E aquele sentimento de precisar escrever, deixar registrado em algum canto
para me iludir que assim sou livre, ainda permanece em mim.
Inquieto. Ardente.

Essa abstinência de você está me corroendo por dentro.
Você vê a situação e debocha de mim.
Sabes do quanto preciso de você!

Agora mais do que nunca.
(Ins)piração, onde estás?

Bloody Sabbath #2

Por: Adeisa Emanuelle 8 comentários

E chega então a 2ª edição do Bloody Sabbath trazendo as notícias da semana para você! Nessa compilação, reunimos de tudo um pouco, desde moda (eu disse que ia ter moda aqui...) à política. Sinta-se a vontade para sugerir outros links interessantes! Seu feedback é muito importante (:

Escolha a calma: por você, pelo outro e pelo mundo.

Por: Adeisa Emanuelle 10 comentários
escolha a calma

O trânsito está caótico, a cidade barulhenta, sirenes a solta, extrema poluição visual e sonora, as pessoas não se respeitam, o amor está em falta, falta organização, seus nervos afloram a pele, os outros só criticam, sua cabeça está pronta para explodir... O que fazer nessas horas? O que pensar nesses momentos de turbulência quando se vive em uma sociedade pós-moderna que a cada dia parece te esmagar? Meu caro, eu te digo: entre o sufoco e o estresse, escolha a calma porque ela sim irá te salvar dessa loucura-de-cada-dia.